Blog

5 sinais de que o relacionamento com sua mãe é disfuncional

Imersa em pensamentos, você pondera se o seu relacionamento com sua mãe é disfuncional e acaba por se convencer: “Mas todo relacionamento não é fácil, não é mesmo?”.  Sim, você tem razão, em parte.  Relacionamentos geralmente exigem dedicação, comprometimento e esforço, mas são especialmente difíceis de serem mantidos com quem possui um transtorno de personalidade tal como o narcisismo. Se você é filha de mãe narcisista, o relacionamento com sua mãe é disfuncional, ou seja, não funciona. Em vez de harmonia, há desentendimento; em lugar de respeito, há desdém; e ao invés de equilíbrio, há uma total disparidade de forças. Como esta dinâmica nunca se altera, este tipo de relacionamento está condenado a um retumbante fracasso.

A seguir, 5 sinais de que o relacionamento com sua mãe é disfuncional:

1- Você é tratada como criança

Ter uma mãe narcisista é como pertencer à Terra do Nunca, pois para ela você é uma eterna criança. Em lugar de apreciar e respeitar seu ponto de vista, sua mãe narcisista responde com desprezo e desdém quando você apresenta-lhe uma ideia que vai de encontro com a dela. Mesmo quando inteligentes e inovadoras, suas opiniões são ignoradas se não se encaixam exatamente ao que a sua mãe narcisista deseja, fazendo-a sentir-se desvalorizada e inútil.

2- Você se sente isolada emocionalmente

Seus sentimentos não são reconhecidos tampouco valorizados por sua mãe narcisista. Você frequentemente se sente rejeitada, culpada e envergonhada sem ao menos saber o porquê. A distância entre vocês é tão intensa e a falta de conexão afetiva tão marcante que você se sente roubada de sua própria humanidade. Você se torna oca e carente de demonstrações de carinho.

3- Você usa a culpa como moeda

Você admite culpa, embora não expresse abertamente. A culpa extravasa pela raiva, mau humor e pelas contrariedades que possam acontecer na vida de sua mãe narcisista. Tudo, é claro, para ser aceita e “amada” por ela. Você se autossabota psicologicamente e sacrifica sua autoestima para manter o relacionamento com ela. Sentindo-se abandonada e tomada por um profundo medo da solidão, você toma para si toda a responsabilidade de sua mãe em troca de um mínimo de atenção e afeto dela.

4- Você se sente roubada de sua própria identidade

Você já recorreu a várias estratégias para ser aceita por sua mãe narcisista: tornar-se mais feminina, magra, elegante, bem-sucedida, popular…, mas nada parece satisfazê-la! Seus gostos e interesses foram tão recauchutados para satisfazer as vontades e preferências dela, que nada que restou parece realmente autêntico. Você passa se reinventando, como se a vida fosse uma eterna busca a si mesma.

5- Você duvida de si

Suas habilidades, sanidade, experiência e inteligência são constantemente reavaliadas como se não fosse capaz de produzir um julgamento maduro e confiável de forma independente. Você se sente inadequada sem alguém para assegurá-la de que está no caminho certo e questiona seus objetivos mesmo quando coerentes com o que deseja para si mesma. Sentindo-se insegura, você se espelha na conduta de terceiros em lugar de manter sua própria opinião, a fim de reduzir sua inquietação interior.

Não é responsabilidade de filha alguma aturar o comportamento egoísta e impróprio da mãe. Também não é sua obrigação aceitar uma sentença de abuso de quem quer que seja, inclusive dela. Não se deixe enganar, você é livre. Se você se identifica com isso, está na hora de quebrar o vínculo com o narcisismo e reaver sua autoestima. Nenhum vínculo sanguíneo pode ser mais importante do que o seu pleno bem-estar emocional e psicológico, acredite.

relacionamento com sua mãe é disfuncional

Se você é filha de mãe narcisista, o relacionamento com sua mãe é disfuncional, ou seja, não funciona.

Scroll to top