Filhas de Mães Narcisistas, Conhecimento Cura

Filhas de Mães Narcisistas, Conhecimento Cura é o segundo livro de autoajuda para filhas de mães narcisistas da conselheira do trauma e terapeuta cognitivo-comportamental Michele Engelke. Após o grande sucesso de seu blog filhasdemaesnarcisistas.com.br e livro Prisioneiras do Espelho, Um Guia de Liberdade Pessoal para Filhas de Mães Narcisistas, usa a sua experiência como terapeuta especializada no tratamento do trauma de filhas de mães tóxicas e sofredoras de abuso narcisista para esclarecê-las a respeito do narcisismo materno e efeitos no seu desenvolvimento, comportamento, bem-estar e saúde mental.

O Filhas de Mães Narcisistas, Conhecimento Cura é uma ferramenta emancipadora para filhas de mães narcisistas

Crescer sob a tirania de uma mãe egoísta e egocêntrica, além da negligência de um pai facilitador do narcisismo materno, compromete a capacidade da filha de mãe narcisista de tornar-se uma mulher autoconfiante e realizada. Quando compreende a extensão que também afeta os demais membros de sua família, como irmãos e irmãs, sente-se ainda mais inadequada e solitária. Como se o contexto familiar disfuncional do qual é proveniente não a causasse suficiente angústia, é incompreendida por uma sociedade que se recusa a reconhecer o seu sofrimento e a validar a sua realidade.

Filhas de Mães Narcisistas, Conhecimento Cura tem como objetivo central dar voz a estas mulheres e ajudá-las a construir uma narrativa pessoal coerente com a sua experiência. A autora alcança esta meta expondo as deficiências parentais e táticas de manipulação da matriarca narcisista, bem como descrevendo e explicando os problemas de comportamento e saúde mental tipicamente enfrentados por filhas de mãe narcisistas na idade adulta, como o trauma, a negação, codependência, ansiedade e depressão, entre outros. Além de identificar as atitudes e comportamentos que as ajudam a superar estes problemas, tais como: os efeitos do trauma, a fim de que se tornem capazes de readquirirem o controle sobre si e reconectarem-se com a própria vida.

A partir de relatos de clientes, realiza uma análise e a interpretação de seus casos, o Filhas de Mães Narcisistas, Conhecimento Cura é uma ferramenta emancipadora não somente para filhas de mães narcisistas, como também para as profissionais de saúde mental envolvidas em seu tratamento e sua recuperação. Através de um estilo franco e com a sua habilidade para lidar com temas complexos, inclusive questionar tabus de família, Michele Engelke honra as vítimas de mães tóxicas e narcisistas ao mesmo tempo em que as motiva a se libertarem da influência nefasta destas e a implementarem mudanças positivas em suas vidas.

Filhas de Mães Narcisistas, Conhecimento Cura

SUMÁRIO

Introdução

1. O narcisismo além do mito de Narciso.

1.1 A máquina narcisista

1.2 Suprimento narcisista

1.3 Perfil da mãe narcisista

1.4 Pais facilitadores

1.5 Perfil do irmão narcisista

1.6 Perfil de avó narcisista

1.7 Narcisista maligno

1.8 Glossário do narcisismo materno

2. O relacionamento entre a filha e a mãe narcisista

2.1 Características gerais

2.2 A negligência

2.3 A agressividade passiva

2.4 A chantagem emocional

2.5 Ajuda ou comportamento facilitador?

2.6 Missão impossível: satisfazer a mãe narcisista

2.7 Como você compensa as deficiências da mãe narcisista

3. Complicações

3.1 Perfil da vítima de abuso narcisista materno

3.2 O trauma

3.3 A negação

3.4 O excesso de autocrítica

3.5 Os pensamentos improdutivos

3.6 Os comportamentos de autossabotagem

3.7 A codependência

3.8 A ascensão e a queda da filha-mártir

3.9 A ansiedade

3.10 A depressão

3.11 Os problemas de intimidade

4. Os cinco As de emancipação da filha de mãe narcisista

4.1 Autonomia

4.2 Autenticidade

4.3 Amor-próprio

4.4 Autoaceitação

4.5 Aconselhamento

Conclusão

Sobre a autora

Copyright

Filhas-de-Mães-Narcisistas-Conhecimento-Cura[1]

eBook Livro Digital – Filhas de Mães Narcisistas – Conhecimento Cura (formato pdf)

 15,79

  • Expanda o seu conhecimento sobre o narcisismo e como se reflete no comportamento de sua família
  • Estude as deficiências parentais da matriarca narcisista
  • Contém relatos de filhas de mães narcisistas e clientes da terapeuta Michele Engelke
  • Explore os problemas de comportamento e saúde mental tipicamente enfrentados por filhas de mães narcisistas
  • Aprenda como superar estes problemas
SKU: Conhecimento Cura (pdf) Categoria:

Avaliações

  1. Rc Cursos Online

    Olá aqui é a Mariana Da Silva, eu gostei muito do seu artigo seu conteúdo vem me ajudando bastante, muito obrigada.

  2. Cursos Online

    Olá aqui é a Carmen Silva, eu gostei muito do seu artigo seu conteúdo vem me ajudando bastante, muito obrigada.

  3. Curso De Tarot

    Aqui é a Camila parabéns pelo conteúdo do seu site gostei muito deste artigo, tem muita qualidade vou acompanhar o seus artigos.

  4. Letícia Almeida Gonçalves

    É desafiador manter um convívio sadio com a mãe narcisista. E quase impossível fazer os demais familiares ver e aceitar que isso existe. É como se mãe narcisista fosse uma fantasia da minha cabeça. Ser incompreendida pra mim é a fase mais dolorosa de todo esse trauma. Pq pra vencer queremos o apoio dos que amamos. Enfim é um desafio atrás do outro

  5. Camila Da Silva

    Sou a Camila da Silva, e quero parabenizar você pelo seu artigo escrito, muito bom vou acompanhar o seus artigos.

  6. Bianca

    Ótimo artigo, muito esclarecedor. Só que tem uma mãe assim sabe o sofrimento que ela causa. Para os outros familiares que são manipulados ou que tem que conviver pois não tem outra forma de sair somos “loucos/sem amor). sofri por muitos anos com uma mãe assim, hoje sou casada e mesmo assim ela tenta acabar com os meus dias, mas mesmo assim eu sigo firme e não deixo mais ela me abalar, por mais difícil que a situação seja.

  7. Ana

    Agradeço e parabenizo as informações aqui colocadas no blog ,minha mãe tem a maioria dessas características, parece que ela se incomoda com a minha felicidade e minha paz de espírito ,quer me fazer de fantoche dela ,só que eu a enfrento ,não permito que as ofensas dela penetre em mim pq sei quem eu sou ! Já sofri mto com isso mais agora não sofro mais 😊 e aquela coisa ou vc fortifica a sua auto estima ou vc se deixa levar pelo veneno e eu fortifiquei minha auto estima e ignoro as coisas que ela fala ! Aí ela já não me atinge mais como antes ! Mais assim que eu puder quero sair de casa e viver mais em paz com liberdade ! E bom cada um no seu quadrado ! Obrigada mais uma vez pelas informações

  8. Manu

    Incrível como tudo o que eu li se encaixa perfeitamente, eu só quero fugir dessa narcisista.

  9. Filipa

    É dificil ter de conviver com uma mãe Narcisista.Depois de muitos anos decidi cortar relações, mas não sem antes de ela destruri a minha relação com a minha irmã, que não reconhece e aceita que há manipulação, pois sempre pôs filhas umas contras as outras.Sou vista como invejosa, porque, a mãe agora gosta mais dela e têm mais orgulho nela.Preocupa-me muito porque chega ao ponto de tentar fazer com que os meus sobrinhos deixem de falar comigo e tenta controlar toda a comunicação, com os meus sobrinhos.Irá fazer o mesmo com os dois irmãos, e minha irmã não vê.Para além de ter inventado mentiras sobre a minha pessoa para o resto da familia, prejudicando a minha reputação, a familia (tios,tias, primos/as…..)deixaram de me falar.

  10. Nara

    Mimha mãe é tudo do jeito q está.escrito ai em cima…parece q ela me odeia e se incomoda com a minha felicidade…quando eu fico triste ela está alegre e quando to feliz ela fica furiosa…tenta destruir meu casamento e tenta por meus filhos um contra o outro..tenta fazer meu marido me detestar…em fim ela faz da minha vida um inferno…mas su nao me abalo mais pelas ofensas a ela diz…sei q o Senhor vai tirar ela da minha casa 🙌🙌

  11. Patrícia

    Hoje sei que tudo o que passei com a minha mãe, tem um nome “mãe narcisista” me brindei com o passar dos anos com o Afastamento dela com minha família, que mesmo não tendo tanto ctt quando nos encontrarmos a mãe narcisista aparece, Hoje Eu luto, com a ajuda de Deus para que minha filha não sofra como eu, e sempre falo pro meu esposo me vigia para que eu não seja como minha mae foi e é comigo! Obrigada.

  12. Sibeli

    Que alivio a leitura deste texto! Demorei 47 anos para encontrar a definição da minha mãe. Me afastei dela, mas as palavras dela continuam a reverberar na minha mente… Mas agora sei que não sou a vilã ou culpada por tudo. Me sinto agradecida por esse texto. Obrigada 🙏🙏🙏

  13. Maria wislene de Fátima

    Bom

  14. Cristiane Oliveira

    Acabei hoje a leitura do Conhecimento cura e não tenho palavras para expressar o quão revelador é enriquecedor foi para minha vida! Cada linha lida era como uma revelação de tudo q eu vivi e senti… um divisor de águas… uma etapa vencida! Muito obrigada Michele! Conhecimento cura!

  15. Gabriela

    Gostei do conteúdo! infelizmente a minha mãe têm essas características. Sofri muito por não ter apoio emocional só exigências meus sentimentos eram minimizados fazendo que eu me sentisse uma louca, sempre colocou uma filha contra outra. Até que um dia tive uma briga séria com a minha irmã por causa dela, só depois de meses minha irmã voltou a falar comigo. Conversamos e decidimos nunca mais brigar por causa de fofoca dela. Morávamos com ela pagávamos as contas da casa ajudando em tudo, meu pai faleceu meses depois arrumou um namorado expulsou a gente de casa. Minha irmã ficou sem falar com ela hoje em dia não nos envolvemos muito com os problemas dela pq ela consome nosso emocional.

  16. Camila Costa

    Infelizmente eu nunca tive dúvida que a minha mãe é narcisista. Desde de criança eu vivia e sentia que a minha mãe era diferente de todas as mães que eu via. Hoje tenho 28 anos e somente agora puder procurar ajuda, terapia, entre outros. Estou no contato zero há um ano, mas é com muita ajuda para se fortalecer nessa caminhada complexa.

  17. Carolina

    No meu caso, não é minha mãe que é narcisista, mas minha avó. Eu sempre abaixei a cabeça, mas de um tempo pra cá comecei a enfrentá-la (ainda não digo tudo que quero, mas já é um começo). E não, não pensem que é uma senhora coitadinha. É uma abusadora nata, que sempre fez questão de colocar uns contra os outros. Ela não se comunica “normalmente”, mas somente através de comentários sarcásticos e depreciativos. É a legítima agressividade passiva que permeou a vida de todos aqueles que estiveram ao redor dela. É capaz de cobrar um prato de comida do próprio filho! Eu nunca acreditei que alguém sentisse inveja de mim, mas hoje eu comprovei por ouvir comentários absurdos da boca dela, coisas sem fundamento algum unicamente para destruir meu psicológico. Ela escuta um cantor na internet (um cantor do interior, desconhecido) e está completamente certa de que ele está afim dela! Mas pior do que isso, vive dizendo que o cara compõe músicas pra mim e que eu sou louca por ele! Pelo amor de deus, eu sequer conheço o cantor! Chega ao ponto de dizer que “se eu quiser ficar com ele, que ela não irá me atrapalhar! Uma coisa completamente absurda, sem fundamento, sem razão de ser! Ela se morde quando posto foto nas redes sociais! Crítica quando eu cuido de mim, e pesca brechas a todo instante para me criticar. Fala mal da família inteira, mas quando encontra o “filho da vez”, o recobre de elogios até que ele vire as costas e começa a falar mal dele, e assim por diante. Minha família é completamente disfuncional por culpa dela, sendo incrível como em todas as brigas que tivemos ao longo dos anos, foi entre ela e mais alguém. E o pior de tudo é que jura de pé junto que é a melhor pessoa do mundo! Dona da verdade, mesquinha, arrogante, petulante, é capaz de sugar o dinheiro de todos ao seu redor para que fiquem dependentes dela. Juro por Deus, parece que estou falando do diabo! Ela é uma pessoa diabólica, que faz tudo o que pode pra acabar contigo enquanto posa de boa na frente dos outros. Passa o dia assistindo canais religiosos e postando fotos de oração nas redes sociais, mas só sabe infernizar a vida dos outros. Não temos relações de união uns com os outros porque ela fez questão de nos colocar em pé de guerra, incitando sentimentos de ódio, desconfiança e raiva entre os membros da família. Como ela é extremamente infeliz consigo mesma, quer que todos sejamos infelizes junto! O único assunto que ela tem é falar mal de alguém. Se tu não concorda, se tu desvia o assunto para comentar sobre o céu para encerrar as críticas aos outros, ela entende como um ataque pessoal. Aliás, tudo ela entende como um ataque pessoal. Se um vizinho passa e não olha pra ela, ela já quer briga, pois acha que todo mundo tem obrigação de colocá-la em primeiro lugar! Não aceita ser contrariada de jeito nenhum, e explode pela menor bobagem, fazendo do dia dos outros um verdadeiro inferno! Apresenta comportamentos infantis, defendendo os maiores absurdos sem o menor embasamento na realidade. E por mais errada que esteja, tu tens que concordar, ou o diabo na terra vai acabar com o teu dia, a tua semana e até com o teu mês! Nunca vi uma pessoa mais desgraçada que essa! Rezo todos os dias para que deus ilumine a cabeça dela e que ela deixe de ser tão abominável… Os estragos que ela causou já estão feitos na vida de todos nós, talvez pra sempre. O que poderia ser uma família unida, não é. Somos uma família que se tolera, por causa dessa pessoa demoníaca que está em nossas vidas. Toda a distância do mundo talvez não apague as marcas da destruição da autoestima perpetrada por anos de uma pessoa cujo único objetivo é te ver no fundo do poço. Vai morrer sozinha, pois afasta todos ao seu redor e não se toca de sua toxicidade. Fala mal dos filhos, dos netos, mas nunca na presença deles, é sempre através de picuinhas. Infelizmente todos fomos obrigados a entrar na dança, porque se não o fizéssemos, ela dava a entender que estávamos atacando a ela pessoalmente. E ainda me enoja completamente o fato de querer mostrar uma máscara de coitadinha perante os outros, passando a imagem de sofredora. Não acredito em justiça divina, infelizmente, mas se existe, ela vai pagar por todo o sofrimento que causou, pois não fez sofrer apenas uma pessoa, mas várias, e ao longo da vida toda. Todo mundo faz tudo o que ela quer, e ainda assim ela crítica todo mundo a todo instante, pois nunca está contente com nada. Veste a máscara de inocente, mas adora criar atrito, inclusive com os vizinhos. Acredita piamente que todos os caras da rua dão em cima dela e que as suas respectivas mulheres ficam de olho neles e nela devido ao delírio de que todos a querem. Só ela é bonita, só ela presta, só ela é boa, só ela é inocente, só ela é benevolente e todo o resto do mundo é dispensável, a não ser que tenha algo que ela possa arrancar. Tenho medo que as marcas em mim sejam irreparáveis devido a tantos anos de abuso psicológico e destruição de autoestima, mas espero que Deus ajude e tenha piedade, pois muito sofrimento já foi causado por uma única pessoa, que aparentemente insistirá em acabar com a vida dos outros até o fim.

  18. Sany

    Nossa , eu nunca entendia o comportamento da minha mãe, o auge foi quando eu tinha apenas 10 anos e me desejou a morte, que um caminhão poderia passar por cima de mim. Eu não entendia o motivo de tanto ódio , raiva e falta de amor eu era apenas uma criança e já tinha apanhado demais , ouvia palavras de pura maldição sobre a minha vida. Tudo o que eu faço até hoje com 38 anos não está nada bom, nada presta, eu sou sempre porca, relaxada, preguiçosa e olha que eu que limpo a casa toda , cuido de tudo e não sou o que ela diz, muito pelo contrário ela suja e não mantém nada do que eu faço e coloca defeitos.
    Em breve terei a minha vitória que é me libertar desse pesadelo tão grande que vivo desde pequena, gente é aterrorizante meus dias desde pequena . Hoje eu já me afasto mesmo morando na mesma casa, eu fico mais calada não conto muita coisa da minha vida , sempre estragou meus namoros e acabou com meu casamento . Sempre me queimava de algo nada a ver e dizia ela é só um rostinho bonito e despreza todas as minhas qualidades . Enfim me desculpem o desabafo .

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top